Quando eu morrer, dá-me um cravo vermelho, simbolo da liberdade, e leva-me ao mar. Não chores, a vida é o que mais bonito temos e eu procurei sempre viver a minha da forma mais pura possível... Porque sei sorrir e sei chorar... Bem-vindo sejas...
Quarta-feira, 31 de Outubro de 2007
Um bom fim de semana...

 

 

     Agora que os dias começam a ficar mais pequenos e a luz a ir embora, é tempo de direccionar as passeatas para serras, montes e vales onde podemos encontrar imagens destas...

     E lá fui, mai-lo meu meninito, até às encostas da Serra da Estrela e muito contente ficou ele pelo dia maravilhoso que teve. Cães, cavalos, ovelhas e no fim do dia regressamos a casa com o Fidalgo que está agora um danado dum canzarrão...

     Bom fim de semana, caros companheiros e companheiras...

     A gente vê-se por aí...



vadiado por homem de negro às 18:43
Ligação vadia | Vadia para mim | Vadiagens (6)

Sábado, 27 de Outubro de 2007
Aos anónimos mesmo anónimos...

 

 

Por favor, não me caguem nas hortênsias...

Bom fim de semana, a gente vê-se por aí...



vadiado por homem de negro às 00:01
Ligação vadia | Vadia para mim | Vadiagens (22)

Quinta-feira, 25 de Outubro de 2007
Os vampiros...

 

No céu cinzento sob o astro mudo
Batendo as asas pela noite calada
Vêm em bandos com pés de veludo
Chupar o sangue fresco da manada

Se alguém se engana com seu ar sisudo
E lhes franqueia as portas à chegada
Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo, e não deixam nada

Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo e não deixam nada
Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo e não deixam nada

A toda a parte chegam os vampiros
Poisam nos prédios, poisam nas calçadas
Trazem no ventre despojos antigos
Mas nada os prende às vidas acabadas

São os mordomos do universo todo
Senhores à força, mandadores sem lei
Enchem as tulhas, bebem vinho novo
Dançam a ronda no pinhal do rei

Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo e não deixam nada
Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo e não deixam nada

No chão do medo tombam os vencidos
Ouvem-se os gritos na noite abafada
Jazem nos fossos vítimas dum credo
E não se esgota o sangue da manada

Se alguém se engana com seu ar sisudo
E lhes franqueia as portas à chegada
Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo e não deixam nada

Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo e não deixam nada
Eles comem tudo, eles comem tudo
Eles comem tudo e não deixam nada

 
 
José Afonso 
 

 
     Foi com um indisfarçável prazer e um arrepio na espinha que ontem à noite ouvi esta música interpretada por um grupo de estudantes na Serenata que marcou o arranque da Festa das Latas 2007. Talvez porque passaram recentemente 25 anos da morte de Adriano Correia de Oliveira, companheiro de Zeca, talvez porque os estudantes já tenham percebido que é mau este caminho por onde vamos, talvez apenas para marcar uma posição de contestação, talvez porque simplesmente já não é possível esconder a vergonha que grassa em nós por este estado de coisas…


vadiado por homem de negro às 15:18
Ligação vadia | Vadia para mim | Vadiagens (1)

Terça-feira, 16 de Outubro de 2007
Aí vai o primeiro...

 

 

Não é nesta altura que vem a fada dos dentes e deixa um presentinho debaixo do travesseiro?



vadiado por homem de negro às 11:25
Ligação vadia | Vadia para mim | Vadiagens (8)

Terça-feira, 9 de Outubro de 2007
Até à vitória final...

 

 

 

Hasta siempre, comandante...



vadiado por homem de negro às 19:30
Ligação vadia | Vadia para mim | Vadiagens (18)

Segunda-feira, 1 de Outubro de 2007
Férias no Alentejo...

 

 

 

     Não são estes os melhores dias da minha vida, é facto. Mas tenho de levantar a cabeça e esperar que as coisas melhorem e uma das formas melhores que tenho é simplesmente recordar coisas boas que tenho vivido...

     As férias com o meu filho foram, como eu já esperava, impecáveis. Arrancámos para o Alentejo e pelo caminho visitámos dois ou três parques de campismo que mais pareciam campos de refugiados, com o terreno arborizado a eucaliptos que secam tudo à sua volta, tornando o chão muito seco e fazendo com que o vento levante a poeira...

     Assim sendo, a escolha natural acabou por ser o mesmo parque do ano passado, S. Miguel, pertinho de Odeceixe, a dois passos do Algarve, um parque com muitos pinheiros, piscina, terra a sério e muita caruma, excelentes instalações e bastante perto da Zambujeira do Mar, do Cabo Sardão e de Odemira.

 

     Tivemos ainda o prazer de conhecer uma companheira destas andanças da net e respectivo marido, com quem jantámos, e, pelo menos no meu caso, de reencontrar uma outra amizade que nos fez companhia no parque durante alguns dias. Sendo que são duas pessoas impecáveis, acabaram por enriquecer mais as nossas férias e, mais importante ainda, caíram nas boas graças do meu filho.

 

     Os dias acabaram por suceder-se a um ritmo demasiado rápido para quem gostaria de ver o tempo passar lentamente, à boa maneira deste povo que nos acolhe. Os dias começavam por volta das 10 horas com um farto pequeno almoço de ovos mexidos, croissants com manteiga e fiambre, leite ou sumo e fruta, depois era vadiar até uma praia qualquer. 

 

     O almoço era feito em forma de piquenique, lá por volta das 4h era andar para a praia onde ficávamos pelo menos até às 8 da tarde, a ver chegar as gaivotas...

 

(um mergulho na piscina e a pose festivaleira a ver os Xutos)

 

     Para jantar nada como o nosso, já conhecido do ano passado, Restaurante Bexa , local onde por menos de 10 euros jantávamos eu e o puto, incluindo café e sobremesa. Gente boa que vale a pena revisitar, estou cá a pensar em voltar lá mais para o tempo frio.

 

     E trouxe do Alentejo um truque que me ensinou um ucraniano, o Igor. Rompeu-se-me o radiador da Menina Vadia e sabem o que ele me colocou para tapar a fuga? Pimentão doce, o que nós conhecemos como colorau, creio eu. Remédio santo, já lá vai mais de um mês e o radiador continua vedado e sem fugas...

 

     Resumindo, correram bem as férias e visitámos locais bonitos, como podem ver pelas fotos que deixo aqui. Espero que as vossas férias tenham sido tão boas como as minhas...

E o meu filho adorou ir ver os Xutos, pela segunda vez, e também dormir na "barraca", de facto é uma criança que se adapta com muita facilidade a qualquer situação nova e dorme sempre bem em qualquer local...

(dorme meu menino pequenino...)

 

A gente vê-se por aí...

 

 

 

 



vadiado por homem de negro às 12:06
Ligação vadia | Vadia para mim | Vadiagens (15)

homem de negro
Procurar vadiagens
 
Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Vadiagens recentes

Parabéns...

Minha querida India...

Amor incondicional...

Amor incondicional...

Procurando...

Coisas que eu sei...

Ora pois...

El comandante...

You and I...

...

Até amanhã, camarada...

Um ano mais....

Dias felizes...

O menino e o cão...

Hoje é sexta feira 13...

25 de Abril sempre?

O tempo e saudade...

Olá...

Até já...

Recordar-te...

Vadiagens guardadas

Janeiro 2016

Novembro 2015

Março 2014

Janeiro 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Julho 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Setembro 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

antros de perdição
sons vadios...

Search Video Codes
blogs SAPO
subscrever feeds