Quando eu morrer, dá-me um cravo vermelho, simbolo da liberdade, e leva-me ao mar. Não chores, a vida é o que mais bonito temos e eu procurei sempre viver a minha da forma mais pura possível... Porque sei sorrir e sei chorar... Bem-vindo sejas...
Quinta-feira, 16 de Abril de 2009
Diz-me tu...

 

Diz-me

Porque tem de ser assim

Se esse maldito caminho

Algum dia terá fim…

 

Mas diz-me

Sem chorar, sem doer

Embora tudo o que doa

Nos ajude a crescer…

 

Diz-me então

Porque eu já não sei

Que fazer ao coração

E ao tanto que te amei…

 

Diz-me, vá lá

Que mais te posso dar

deste-me esta vida triste

Mas ensinaste-me a amar…

 

Diz-me, peço-te

Que hei-de fazer agora

À alma cheia de nada

E ao tudo que foi embora…

 

homem de negro

poemas vadios

 

 

 

 


sinto-me: Desesperadamente perdido...
música: Os imortais - Mafalda Veiga

vadiado por homem de negro às 14:46
Ligação vadia | Vadia para mim

4 comentários:
De Helena a 20 de Abril de 2009 às 10:54
Entendo bem as suas palavras e a sua dor. Mas lembre-se dos momentos únicos passados com a sua mãe, momentos de amor e ternura, alegria e risos, felicidade e abraços apertados, beijos, caricias e conversas profundas. Os valores que da sua mãe recebeu, tem agora por missão transmitir ao seu filho. Pense nele e nela. É difícil, é triste, é solidão, mas a vida, a sua vida e daqueles que dependem de si, vai continuar. Tenha coragem para enfrentar a vida sem um pilar, daqueles mesmo importantes e insubstituíveis.
É tão pouco, ou mesmo nada, o que lhe posso dizer para minimizar a sua mágoa, a não ser que leio as suas palavras e estou consigo neste abraço apertado.
Um beijinho
Helena


De uma gaivota a 19 de Abril de 2009 às 19:25
Antes subir e descer que o marasmo de uma vida sem emoções. Que é como quem diz, antes amar e perder que nunca sequer ter amado e não saber o que é perder alguém que amamos. Se muito do que és deves a ela, tens o dever de não a deixar morrer. Ela segue nos teus gestos nas tuas atitudes. E tu tens pelo menos 1 filho a quem passar essa vida, esses valores...

Então em vez de lamentar a perda, passas a celebrar o facto de ela te ter permitido usufruir de X anos na presença dela, anos que fazem certamente muito do homem que deves ser hoje. Não o desperdices. Ainda voarás de novo.


De Brida a 19 de Abril de 2009 às 19:15
Homem, de passagem pelo blog da Cristal, deparei-me com a notícia. :(
Venho deixar 1 abracinho apertadinho em tu...e que te sintas cheio de FORÇA, pq alguem precisa de ti.
Sei o que sentes, ainda parece pesadelo ...
Beijinhos


De Dulcilena a 18 de Abril de 2009 às 18:37
Nunca te deixes abalar pelo simples facto de demonstrares os teus sentimentos.
Existe uma frase muito antiga, que diz assim:

"Aqueles que amamos nunca morrem, apenas partem antes de nós".

Por isso mesmo, não te podes deixar ir abaixo, a vida continua.

Beijinhos Dolces kerido amigo


Comentar este texto vadio

homem de negro
Procurar vadiagens
 
Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Vadiagens recentes

Parabéns...

Minha querida India...

Amor incondicional...

Amor incondicional...

Procurando...

Coisas que eu sei...

Ora pois...

El comandante...

You and I...

...

Até amanhã, camarada...

Um ano mais....

Dias felizes...

O menino e o cão...

Hoje é sexta feira 13...

25 de Abril sempre?

O tempo e saudade...

Olá...

Até já...

Recordar-te...

Vadiagens guardadas

Janeiro 2016

Novembro 2015

Março 2014

Janeiro 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Julho 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Setembro 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

antros de perdição
sons vadios...

Search Video Codes
blogs SAPO
subscrever feeds